Ticket 3 Ticket 3
NOTÍCIAS
Arena Cross 2015: Festa portuguesa com certeza em Jundiaí
Arena Cross 2015: Festa portuguesa com certeza em Jundiaí

Paulo Alberto vence as duas baterias da Pró e dispara na liderança


Jundiaí (SP) - A segunda etapa da temporada 2015 do Arena Cross teve neste sábado (23), corridas e disputas emocionantes que agitaram as arquibancadas lotadas em Jundiaí. Mais uma vez, quem comemorou bastante foi o piloto português Paulo Alberto, que venceu as duas bateria na Pró e disparou na diferença do campeonato.


Antes das disputas, a cerimônia de abertura teve o hino nacional interpretado pelo cantor Daniel, que gravou uma versão exclusiva para o Arena Cross. No pódio estavam autoridades que contribuíram para o espetáculo em Jundiaí.


Carlinhos Romagnolli, presidente da Romagnolli Promoções e Eventos, saudou o prefeito Pedro Bigardi, o secretário de Esportes Cristiano Lopes e os deputados Wellington Moura (PRB) e Rogério Nogueira (DEM).


- Essa prova aqui só está sendo possível graças ao empenho do prefeito Pedro Bigardi e do Secretário Cristiano Lopes. Gostaria de agradecer aos deputados Rogério Nogueira e Wellington Moura. Aliás, o deputado Wellington Nogueira está intercedendo junto ao Ministério do Esporte para que ações sejam feitas para fortalecer o esporte nacional. Ele entende que o esporte no brasil não se limita a Copa do Mundo e Olimpíada - Colocou Carlinhos.


O prefeito Rogério Bigardi agradeceu ao público, a Romagnolli, e todos os personagens que tornaram o espetáculo possível. Eufórico, desejou a continuidade da prova no calendário.
- Essa é a terceira vez que a prova vem para cá, sempre trazendo muito prestígio para Jundiaí. Ela vai continuar ano quem, tenho certeza - Comemorou o prefeito.


Arena 1x1 -
Novidade no Arena Cross 2015, a prova reúne os dois primeiros colocados no classificatório da MX Pró em um duelo de duas voltas. Jean Ramos, que foi o mais rápido no treino, venceu o duelo com o português Paulo Alberto. A vitória deu um ponto extra ao brasileiro da Yamaha.


50cc - Na categoria 50cc, a vitória foi de Raul Miranda. Ele venceu a disputa contra Rafael Becker e Ivo Konell. A classificação foi a seguinte:


1º Raul Miranda #205
2º Rafael Becker #7
3º Ivo konell #77
4º Garmichel rodrigues -#4
5º Gustavo rodrigues -#55


65cc -
Na 65cc a disputa foi acirrada, terminando com vitória de Diogo Nascimento. Em segundo lugar ficou Carlos Eduardo Pereira, o Dadal, e a terceira posição ficou com Carlos Eduardo Baltazar.


1º Diogo Nascimento #2
2º Carlos Eduardo Pereira - #77
3º Carlos Eduardo Baltazar - #14
4º Marcello Leodorico - #44
5º Gabriel Andrigo - #10


Júnior -


Na categoria Júnior o piloto paranaense Leonardo Cassarotti não deu chances para ninguém, e venceu com autoridade a prova de Jundiaí. Renato Paz sofreu uma queda no fim da prova, e não conseguiu repetir a vitória de Bertioga, ficando na segunda posição. Completou o pódio Thiago Brenner.


- Logo que assumi a ponta, não pensei em nada, apenas acelerar. Procurei manter a concentração para não cometer erros, para não cair, que assim a vitória ficaria ao meu alcance. Deu tudo certo, estou muito feliz - Comemorou o piloto Honda da Dunas Team.


1º Leonardo Cassarotti #25
2º Renato Paz #101
3º Thiago Brenner 24#
4º Renan Gotto 55#
5º Bruno Schmitz 40#


MX2 -


Emoção marcou o fim da prova na categoria MX2. Após dois anos parado por conta de um acidente, João Pedro Ribeiro conquistou uma difícil vitória em Jundiaí. Chorando, o piloto da Yamaha ressaltou o quanto era importante essa conquista.


- Só Deus sabe o que passei. Foram dois anos fora, mas trabalhei bastante para isso. Queria agradecer minha equipe, a Yamaha pela confiança e todos que me ajudaram nessa volta por cima- Contou o emocionando vencedor. Completaram o pódio Hector Assunção e Enzo Lopes.


A Classificação foi a seguinte:
1º #282 João Pedro Ribeiro
2º #30 Hector Assunção
3º #16 Enzo Lopes
4º #2 Dudu Lima
5º #932 Rodrigo Lama


MXPró - 1ª bateria


Um duelo à parte entre Jean Ramos e Paulo Alberto no Arena 1x1 e também na primeira bateria da Pró, mas dessa vez quem levou a melhor foi o português da equipe Honda Mobil. O brasileiro liderou a maior parte da prova, mas no fim, uma escapada lhe custou a vitória.


O ritmo do piloto luso era tão forte, que ele deu uma volta em cima do atual campeão do Arena Cross, Carlos Campano. O espanhol largou mal, caiu duas vezes, e terminou na quinta posição.


A terceira colocação foi do britânico Adam Chatfield. Outro brasileiro que fez boa corrida foi Wellington Garcia da Honda Mobil. O holeshot ficou com o equatoriano Jetro Salazar.


Classificação -
1º #211 Paulo Alberto
2º #10 Jean Ramos
3º #407 Adam Chatfiel
4º #21 Wellington Garcia
5º #1 Carlos Campano


MXPró - 2ª bateria


Quase uma repetição da primeira bateria, com Paulo Alberto em primeiro e Jean Ramos em segundo. A diferença é que dessa vez o português não teve sua vitória ameaçada, mantendo 100% na temporada 2015, vencendo todas as quatro baterias disputadas até aqui.


- Não tem segredo, é trabalhar bastante. Tenho uma equipe muito eficiente que me proporciona esses resultados. Espero manter esse rendimento - Disse o piloto da Honda Mobil.


A noite foi positiva para Jean Ramos, que foi o mais rápido no classificatório, venceu o duelo Arena 1x1, porém, não saiu vitorioso por detalhes na primeira bateria.
- Foi uma pena a primeira prova, tinha a vitória nas mãos. Na segunda bateria estava bem, mas não consegui imprimir o mesmo ritmo do Paulo (Alberto). Mas creio que estamos chegando - Comemorou o brasileiro.


A terceira posição da segunda bateria ficou com Carlos Campano e o holeshot foi do britânico Adam Chatfield.


Classificação -
1º #211 Paulo Alberto
2º #10 Jean Ramos
3º #1 Carlos Campano
4º #407 Adam Chatfield
5º #21 Wellington Garcia


Classificação geral da Pró em Jundiaí-
1º #211 Paulo Alberto
2º #10 Jean Ramos
3º #407 Adam Chatfield


Classificação do campeonato após duas etapas


MX Pró
1º - 211 PAULO ALBERTO - 81 PONTOS
2º 1 CARLOS CAMPANO - 64 PONTOS
3º 407 ADAM BRAIN CHATFIELD - 58 PONTOS
4º -10 JEAN CARLO RAMOS - 57 PONTOS
5º 21 WELLIGTON GARCIA - 40 PONTOS


MX2
1º 282 JOÃO PEDRO RIBEIRO - 33 PONTOS
2º 2 EDUARDO LIMA - 33 PONTOS
3º 16 ENZO LOPES - 25 -PONTOS
4º 987 FABIO DO SANTOS - 22 PONTOS
5º 30 HECTOR ASSUNÇÃO - 20 PONTOS


Junior
1º 25 LEONARDO CASSAROTI- 37 PONTOS
2º 101 RENATO PAZ - 37 PONTOS
3º 55 RENAN GOTO - 26 PONTOS
4º 24 THIAGO BRENNER - 25 PONTOS
5º 111 IURI BELTRÃO - 23 PONTOS


65cc
1º 2 DIOGO NASCIMENTO - 20 PONTOS
2º 77 CARLOS EDUARDO DE SOUZA BARROS - 20 PONTOS
3º 77 CARLOS EDUARDO PEREIRA - 17 PONTOS
4º 44 MARCELLO LEODORICO FERNANDES SILVA - 17 PONTOS
5º 14 CARLOS EDUARDO BALTAZAR - 15 PONTOS


50cc
1º 7 RAFAEL BECKER - 37 PONTOS
2º 205 RAUL MIRANDA - 31 PONTOS
3º 4 GARMICHEL RODRIGUES - 30 PONTOS
4º 55 GUSTAVO RODRIGUES - 26 PONTOS
5º 77 IVO KONELL- 25 PONTOS


Classificação completa em www.arenacross.com.br
A Próxima prova da temporada 2015 do Arena Cross será no dia 20 de junho em Ilha Comprida (Litoral sul de São Paulo).


O evento:


O Arena Cross é o maior campeonato do motociclismo nacional de sua modalidade. Em seus 17 anos, ficou conhecido pela enorme estrutura que pode recebe cerca de 7 mil pessoas por etapa, com destaques para cenografia e acabamentos que fazem a diferença. Soma-se a tudo isso o fato de ter grandes disputas nas pistas de até 450m, onde são disputadas as provas.


O evento conta com transmissão para as emissoras de canal por assinatura Sportv, Band Internacional e Band Sports. Na internet o aficionado pelo Arena Cross pode acompanhar pela BRMTV (www.brmtv.com.br), disponível para computadores, tablets e smartphones.


Redes Sociais: Siga o Arena Cross nas redes sociais e fique atualizado com notícias, fotos e vídeos das provas, além de bastidores do evento.
Facebook: Arena Cross Brasil
Instagram: @arenacrossbr


App: Arena Cross
Baixe o aplicativo do Arena Cross no seu smartphone ou tablet e tenha o mundo do maior campeonato do motociclismo nacional em suas mãos.
Disponível para Apple Store e Google Play.


Arena Cross 2015
Realização: Romagnolli Promoções e Eventos
Patrocínio: Top Energy Drink e Honda
Co-Patrocínio: Pirelli, Yamaha, Rinaldi, RedNose e Fox Racing.
Apoio: Prefeitura Municipal de Jundiaí, Revista Moto, Revista Dirt, Locaweb e Ticket3.

« Voltar

Ticket3